Proposta de Mudança

Para que haja mudança é preciso que o gestor esteja consciente sobre a real necessidade de modernização, através de um atendimento exclusivo ao contribuinte, tornando necessário e indispensável a criação de um espaço específico a acomodar instalações e equipamentos adequados que darão suporte no atendimento ao contribuinte.

O próximo passo é a elaboração do Manual do Contribuinte, que constará informações sobre as propostas da gestão tributária, a implantação do sistema e as melhorias previstas, tendo como principal objetivo a recuperação da receita dos impostos e a modernização no sistema fiscal.

As empresas e contribuintes poderão usar o sistema tributário do Município para obter informações, gerar as declarações e recolher o tributo, assim como os livros financeiros e fiscais. As guias de recolhimento dos tributos poderão ser emitidas online, pessoalmente, através dos escritórios contábeis, podendo também emitir as declarações de serviços prestados e tomados. As empresas substitutas tributária farão as declarações mensais, através dos serviços disponíveis na web, sistema chamado ISS Online. A forma da arrecadação aos cofres públicos será sempre via bancária, através de guias padronizadas com códigos Febraban. O contribuinte irá à Divisão de Tributos somente para conferência de cadastro, ficando sob a responsabilidade da empresa o fechamento e a apuração do imposto. Tais iniciativas torna possível, em um curto espaço de tempo, obter reflexos positivos da implantação deste sistema.