Assessoramento e
Consultoria Tributária

Seu browser não suporta flash

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul:

Ementa: APELAÇAO CÍVEL. DIREITO TRIBUTÁRIO. EXECUÇÃO FISCAL. IPTU. PRESCRIÇÃO INTERCORRENTE. INOCORRÊNCIA. Não basta o simples decurso do prazo, devendo ser perquirida, no caso em concreto, a efetiva inércia do Ente Público em impulsionar o feito. Na espécie, o processo não restou paralisado pelo prazo de cinco anos, tendo o exequente realizado as diligências necessárias ao regular andamento da execução. Prescrição afastada. APELAÇÃO PROVIDA. (Apelação Cível Nº 70077517829, Vigésima Segunda Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Luiz Felipe Silveira Difini, Julgado em 11/05/2018).

Fonte:Consultor Municipal http://consultormunicipal.adv.br/artigo/boletim-informativo/17-05-2018-prescricao-intercorrente-ocorre-quando-comprovada-a-efetiva-inercia-do-ente-publico/